Agende sua consulta: TELEFONES: (45)2101-1155 | TIM (45)99911-0095 | VIVO (45)99155-0155

< Ver todas as Doenças

Doutores responsáveis


Aniridia

O que é Aniridia ?

Esta doença caracteriza-se pela ausência completa ou quase completa da íris, parte interna colorida do olho ao redor da pupila que regula a quantidade de luz que entra no interior do órgão. A aniridia pode ocorrer devido a trauma, cirurgia ou defeito congênito hereditário. Neste caso, normalmente é bilateral, situação que pode ocorrer por uma alteração no par 11 do cromossomo humano. A aniridia afeta de 1:40.000 a 1:100.000 indivíduos nascidos vivos, acometendo ambos os sexos igualmente.

Sintomas

Em geral, a anirídia pode ser percebida pela fotofobia (aversão à luz), visão de baixa qualidade e aparência irregular da pupila. Quando congênita, esta doença está associada ao desenvolvimento incompleto da retina, resultando em movimentos descontrolados dos olhos (nistagmo), catarata, luxação, glaucoma, distúrbios da córnea e afetações sistêmicas (tumor de Wilms).

Tratamento

O uso de lentes de contato cosméticas são uma opção, mas a microcirurgia oftálmica atual permite, em muitos casos, realizar, em situações de danos parciais, a reconstrução da íris e da pupila, em defeitos parciais. Com defeitos total ou subtotal é possível utilizar implantes anulares de 90° ou 180°, os quais formam uma íris completa.

Prevenção

O diagnóstico genético é importante para as crianças nascidas com esta doença, a fim de determinar o grau da lesão. Eles têm que realizar o monitoramento anual abrangente por pediatras e oftalmologistas especializados para detectar precocemente e tratar patologias maneira associada tentando melhor qualidade de vida para os pacientes mais afetados.